Rommanel

terça-feira, 17 de abril de 2012

GOVERNADOR DE RONDÔNIA REUNE SECRETÁRIOS E MOSTRA NOVIDADES


O governador Confúcio Moura reuniu secretários e gestores dos órgãos estaduais onde anunciou algumas novidades que visam beneficiar o Estado de Rondônia.

Na oportunidade o governador apresentou Leonel Scharammel, que assume a Controladoria Geral do Estado (CGE) no lugar de Juliana Furini, que foi aprovada em um concurso público e saí para tomar posse. Scharammel é ex-controlador da prefeitura de Ariquemes.

O processo de transposição dos servidores do quadro do Estado para a União também esteve em pauta, onde o governador informou que os mais de 20 mil processos estão finalizados, aguardando agora o parecer de Brasília.

A exemplo dos modelos que deram certo nos estados de Minas Gerais e Bahia, Confúcio falou da importância do papel da ouvidoria, que tem como ouvidor, Vicente Moura, que já visitou várias unidade do Estado onde conhece de perto cada situação e busca soluções junto á cada setor.

O governador ressaltou a importância da comunicação e disse que “a informação é algo constitucional. Algumas pessoas reclamam que o governo gasta com publicidade, mas a constituição diz que os atos do governo devem ser informados, desde que não promova a pessoa, o governante em si”, ressaltou Confúcio.

Na oportunidade, o diretor do Departamento de Comunicação do Governo de Rondônia – Decom, Fred Perillo, falou sobre o Planejamento Anual de Comunicação (PAC), que vem sendo desenvolvido junto às secretarias e departamentos do Estado, com a finalidade de dar mais qualidade a comunicação interna e externa do Estado. Cada pasta tem até o dia 19 de abril para entregar um formulário que foi disponibilizado pelo Decom para avaliar e medir qual a demanda de cada pasta.

O governador pediu ainda o apoio para a criação da Superintendência de Comunicação – Secom e da Secretaria de Promoção da Paz – Sepaz. “Estará em votação na Assembléia Legislativa a criação da secretaria e da superintendência, ambas sairão a custo zero para o Estado. Fizemos os estudos necessários, tiramos um pouco aqui, outro ali, para que isso seja possível”, disse Confúcio.

Confúcio disse ainda que o objetivo da secretaria é combater a origem da violência e convidou a vereadora de Cacoal, Penha Simão, que deve assumir a Sepaz para explicar um pouco mais sobre a importância da secretaria. “Vamos trabalhar com a pessoa que sofre. Muitas vezes a mãe, a família não sabe o que fazer com um filho viciado em drogas, e nos vamos dar esse apoio, tratar essa pessoa, e dar a oportunidade de ter uma nova vida, seguir um novo caminho. Hoje a maioria das pessoas que comete com crimes, está envolvida com drogas”, disse Penha.

Na área da saúde o governador anunciou diversas mudanças e disse que a base da saúde foi criada. “A partir de maio teremos o projeto Mãezinha Rondoniense, que vai dar apoio e atenção a mulher grávida. Vamos entregar um novo hospital infantil. O Hospital de Base vai contar com mais 160 leitos, que estão quase prontos. Nosso Hospital de Urgência e Emergência terá mais 200 leitos. Estamos estruturando o interior, para que o paciente não precise se deslocar até a Capital. Além disso, vamos melhorar o Serviço de Internação Domiciliar. O Hospital do Câncer vai contar com serviço oferecido pela Fundação Pio XII”, ressaltou Confúcio.

Outros investimentos estão sendo realizados no setor da saúde para humanizar o atendimento e desafogar o Pronto Socorro João Paulo II, que há anos não consegue atender a demanda de pacientes. Na Capital, duas Unidades de Pronto Atendimento estão sendo finalizadas. Cada uma vai atender em média 600 pessoas por dia.


Fonte: DECOM - Departamento de Comunicação Social

Nenhum comentário: