Rommanel

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

PLANO FUTURO - GOVERNADOR CONFÚCIO MOURA FECHA PARCERIA PARA CONSTRUÇÃO DE 2.600 MORADIAS

Foto: Ney Cunha





O governador Confúcio Moura assinou em solenidade nesta quinta 5 de Janeiro, termo de cooperação e parceria, com a Caixa Econômica Federal, prefeituras e entidades de classes para construção de cerca de 2.600 casas populares do Programa Minha Casa Minha Vida. Nesta etapa serão construídos os seguintes empreendimentos: Residencial Alvorada, com 200 casas, em Vilhena; Residencial Jatobá II com 400 unidades, em Rolim de Moura; Bosque dos Ipês I, com 414 unidades e Bosque dos Ipês II, com 179 unidades, ambos em Ji-Paraná. Ao todo são 1.193 unidades habitacionais do Programa Nacional de Habitação Urbana – PNHU, integrante do Programa Minha Casa Minha Vida Fase 2.
Serão contempladas ainda habitações na área rural, através da parceria com a Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetagro), com 1000 unidades e a Associação dos Pequenos Agricultores (Aparo), com e 453 unidades, num total de 1.453 casas, no âmbito do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR) Minha Casa Minha Vida Entidade.

O setor habitacional está entre as prioridades do governo do Estado e se configura em eixo prioritário do Plano FutuRO de superação da pobreza e erradicação da extrema pobreza. “A parceria com os municípios e entidades nestes empreendimentos vai beneficiar 5.812 pessoas na área rural e outras 4.772 na área urbana. O objetivo do governo do Estado é construir 20 mil casas populares até 2014”, frisa Cláudia Moura, secretária de Assistência Social e coordenadora do Plano FutuRO.

O evento será realizado no Palácio Getúlio Vargas e contará com a presença do superintendente da Caixa, Rossini Ewerton Pereira da Silva, do presidente da Fetagro, Lázaro Aparecido Dobi; do presidente da Aparo, Raimundo dos Santo Vieira, além dos prefeitos de Ji-Paraná, José de Abreu Bianco; de Rolim de Moura, Sebastião Dias Ferraz; de Vilhena, José Luiz Rover e de outras autoridades locais

Além desses municípios, a Secretaria de Estado de Assistência Social, através da Gerência de Habitação, apresentou ao Ministério das Cidades propostas contemplando os municípios com população de até 50.000 habitantes. Está previsto ainda contrapartida para os sete municípios de Rondônia com população acima de 50 mil habitantes que assinaram Termo de Adesão ao Minha Casa Minha Vida, junto ao Ministério das Cidades, incluindo a Capital Porto Velho.

Nenhum comentário: