Rommanel

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

COMEÇOU O FEST CINE AMAZÔNIA 2010

O teatro Banzeiros ficou pequeno para o grande público presente.
(Fotos: Ney Cunha)

O realizador do Fest Cine Amazônia Jurandir Costa está de parabéns
por mais este grandioso evento.

Zé Catraka se divertiu na abertura do Fest Amazônia.

Parte da equipe da produção do Cine Fest Amazônia reunidos para o Flash do CADERNO DESTAQUE.

A abertura oficial da 8ª edição do FestCineamazônia 2010, aconteceu as 19 horas de ontem, no Teatro Banzeiros, Centro de Porto Velho. O festival será realizado até sábado, com programação diária de manhã, tarde e noite. Para conduzir o cerimonial foi convidado o ator Fidélis Baniwa, que interpretou o índio Karipuna na mini-série Mad Maria.
Após a cerimônia houve o lançamento do filme Horizontes e Fronteiras, dirigido por Jurandir Costa e Fernanda Kopanakis, e apresentado pelo cantor rondoniense Bado. A noite também teve show musical, com entrada grátis.

No show de abertura do festival o público vai prestigiou os cantores Celso Viáfora e Nilson Chaves, reconhecidos nacionalmente e com parcerias com artistas como Ney Matogrosso e outros. A inclusão de música no FestCineamazônia é uma novidade implantada a partir deste ano, como difusão cultural aliando cinema e música.

Pela mostra competitiva, 55 filmes e vídeos concorrem ao prêmio Mapinguari em diferentes modalidades. O festival também realiza simultaneamente a mostra paralela com: Cinema nos Bairros, A Escola Vai ao Cinema, Cinema no Beiradão, Cinema no Circo e Cinema no Terreiro.

A cada dia uma programação diferente estará acontecendo para levar cinema e vídeo, e promover o debate e a discussão sobre o meio ambiente, temática central do festival.
Veja muito mais fotos de Ney Cunha nos eventos do site http://www.oobservador.com/
O Fest Cineamazônia® 2010 é apresentado pela OI, tem o patrocínio da Petrobrás e BNDES, Ministério da Cultura através da Lei Rouanet, Folha de Rondônia; apoio cultural Oi Futuro, Governo de Rondônia através da SECEL, Prefeitura de Porto Velho, Secretaria Municipal de Educação (Semed) e Fundação Iaripuna.

Nenhum comentário: